0

Governo vê inflação beirando dois dígitos em 2021 e PIB menor

mercados

Governo vê inflação beirando dois dígitos em 2021 e PIB menor

No Boletim Macrofiscal, a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia elevou a projeção para o inflação de 2021 para 9,70%

Governo vê inflação beirando dois dígitos em 2021 e PIB menor
tcuser

Atualizado há 9 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 17 de novembro – Sem a trégua da inflação, o Ministério da Economia elevou as projeções do IPCA para 2021 e 2022, bem como reduziu as estimativas para o Produto Interno Bruto nos dois anos, apesar de seguir mais otimista que a média do mercado

No Boletim Macrofiscal, a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia elevou a projeção para o IPCA de 2021 de 7,90% para 9,70%, enquanto no próximo ano saiu de 3,75% para 4,70%. Os técnicos da pasta, porém, sustentam que a inflação deve convergir para meta em 2023, chegando a 3,25%.

De outro lado, as estimativas para o PIB de 2021 foi reduzida de 5,30% para 5,10%, e a de 2022 passou de 2,50% para 2,10%. Essa é uma visão bem mais otimista do que a média do mercado, uma vez que os economistas consultados pelo boletim Focus, do Banco Central, projetam crescimento de 0,93%, enquanto analistas do Itaú e do Credit Suisse preveem uma recessão em 2022, com queda do PIB de 0,50% e 0,60%, respectivamente.

Entre os fatores positivos para o crescimento do PIB em 2021, a secretaria aponta a poupança elevada, a recuperação de serviços, o mercado de crédito robusto e a recuperação do investimento. Por outro lado, o documento traz entre os riscos “a crise hídrica e a preocupação com uma eventual retomada de casos do coronavírus”.

Para o próximo ano, o crescimento econômico tem como principais fundamentos o mercado de trabalho, que vem se recuperando após o momento mais crítico da pandemia, e pelo volume de investimento contratado para 2022, segundo a pasta. Em coletiva, o secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida, diz que a retomada do emprego “garante um crescimento sustentável”, além dos planos de concessões.

Texto: Eduardo Puccioni
Edição: Guilherme Dogo
Arte: Vinícius Martins/ Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.