0

Ibovespa oscila ao longo do dia, em linha com o exterior

mercados

Ibovespa oscila ao longo do dia, em linha com o exterior

Perto das 15h, o Ibovespa subia 0,06%, a 114.716 pontos, com ajuda do setor bancário e ações da holding das Lojas Americanas em forte alta

Ibovespa oscila ao longo do dia, em linha com o exterior
guilherme-maradei-dogo

Atualizado há 9 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 18 de outubro – Depois de um início de pregão negativo, o Ibovespa abrandou a queda e passou a rondar a estabilidade com a melhora do humor em Nova York, de olho na agenda de balanços e da queda do petróleo.

Perto das 15h, o Ibovespa subia 0,06%, a 114.716 pontos, com ajuda do setor bancário, especialmente do Bradesco (BBDC4), que avançava 1,88%.

As ações preferenciais da holding das Lojas Americanas (LAME4) seguem em forte alta, em mais de 20%. Weg (WEGE3), JBS (JBSS3) e Ambev (ABEV3) também impulsionam o índice brasileiro.

No caso da holding da Lojas Americanas, a disparada se dá pelo anúncio da companhia de que estuda uma reorganização societária para listagem no Novo Mercado da B3. Segundo analistas do Bradesco BBI, o movimento traz ganhos significativos à governança e sinaliza que a empresa tem ouvido os investidores.

Do lado negativo do Ibovespa estão as ações da Vale (VALE3), B3 (B3A3) e Inter (BIDI11), que seguram o ímpeto do índice. As ações da mineradora recuam 1,10%, em linha com a desvalorização de 0,72% do minério de ferro no porto de Qingdao, na China.

Mercado internacional

No exterior, os índices americanos operam mistos, mas o Dow Jones, que chegou a recuar 300 pontos mais cedo, agora cai 0,15%, enquanto o S&P500 e o Nasdaq sobem 0,19% e 0,62%, respectivamente.

A melhora do humor nos Estados Unidos se dá em meio à virada do petróleo, que passou a cair 0,65% para o tipo Brent e 0,3% para o WTI, o que reduz o temor pela inflação de energia.

Investidores americanos também monitoram a pesada agenda de balanços da semana, com resultado de Johnson & Johnson, Intel, Netflix, Philip Morris, American Express, entre outros. Na semana passada, os resultados mais fortes dos bancos seguraram as altas das bolsas.

Texto: Guilherme Dogo
Edição: Gabriela Guedes e Stéfanie Rigamonti
Arte: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

BBDC4

BCO BRADESCO S.A.

17,28

-0,30

-1,70%

Relacionadas

WEGE3

WEG S.A.

26,39

0,34

+1,30%

VALE3

VALE S.A.

76,36

-2,25

-2,85%

JBSS3

JBS S.A.

31,74

-0,66

-2,02%

BIDI11

BANCO INTER S.A.

0,00

0,00

+0,00%

LAME4

LOJAS AMERICANAS S.A.

0,00

0,00

+0,00%

ABEV3

AMBEV S.A.

13,46

-0,16

-1,17%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.