0

Eficácia das vacinas contra a nova variante ômicron deixa investidores cautelosos

internacional

Eficácia das vacinas contra a nova variante ômicron deixa investidores cautelosos

Além das farmacêuticas outras áreas caem com incerteza sobre eficácia das vacinas contra a nova variante da Covid-19 ômicron

Eficácia das vacinas contra a nova variante ômicron deixa investidores cautelosos
tcuser

Atualizado há 8 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 30 de novembro – Os investidores continuam receosos nesta terça-feira após as farmacêuticas levantarem dúvidas quanto à eficácia das vacinas já existentes contra a nova variante da covid-19, batizada de ômicron.

O presidente da Moderna, Stéfane Bancel, disse ao Financial Times que os imunizantes produzidos pela companhia provavelmente não são tão eficazes contra a nova cepa. A empresa, porém, segue testando o impacto da variante na vacina. Com isso, as ações da companhia abriram em forte queda, caindo mais de 5% perto das 12h20.

“Até que tenhamos evidências de que as vacinas existentes ainda funcionam contra a ômicron, não faz sentido fazer uma grande aposta em qualquer direção”, disse Mike Bell, estrategista do JP Morgan Asset Management, em entrevista ao The Wall Street Journal.

Seguindo a tendência de incertezas quanto aos prejuízos que uma nova variante do vírus trará para o mercado de viagens e atividades, as aéreas também sofrem perdas. As ações de Delta Airlines, American Airlines e Southwest Airlines caiam 1,55%, 2,93% e 1,50%, respectivamente.

Já no mercado de commodities, o petróleo tipo Brent, referência global, caia 3,4% para US$70,90. Já o WTI americano também sofria queda de 3,4%, a US$ 67,57. O Bitcoin também operava em baixa de 0,2% na manhã desta terça.

Jerome Powell sobre variante Ômicron e inflação

O presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, faz declaração ao Senado americano que espera uma queda da inflação no próximo ano, conforme a oferta e a demanda se equilibrem. Ainda de acordo com ele, a nova cepa da covid-19 pode fazer com que os preços continuem a subir por mais tempo do que o imaginado.

“É difícil prever a persistência e efeitos das restrições de oferta, mas parece que agora, fatores que elevam a inflação devem persistir no próximo ano”, disse.

Texto: Giovanni Porfírio
Edição: Guilherme Dogo
Arte: Vinícius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.