0

Poupança registra saída líquida recorde em janeiro

financas-pessoais

Poupança registra saída líquida recorde em janeiro

A tradicional caderneta de poupança reportou retirada líquida de R$19,6 bilhões, enquanto na poupança rural, houve saída de R$3,98 bilhões

Poupança registra saída líquida recorde em janeiro
gabriel-pontes

Atualizado há 6 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 4 de fevereiro – A tradicional caderneta de poupança reportou retirada líquida de R$19,6 bilhões em janeiro, a maior para todos os meses desde o início da série histórica do Banco Central, em 1995, de acordo com dados reportados nesta sexta-feira.

Os saques superaram os depósitos em R$15,6 bilhões no Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo no mês passado. Já na poupança rural, houve saída de R$3,98 bilhões. No mesmo período do ano passado, a caderneta de poupança registrou retirada líquida de R$18,1 bilhões.

Nesta semana, o Comitê de Política Monetária do Banco Central elevou a taxa básica de juros brasileira, a chamada Selic, em 150 pontos-base, para 10,75% ao ano. Dessa forma, os depósitos nesse investimento têm rendimento fixo de 0,5% ao mês, ou 6,17% ao ano, mais a Taxa Referencial, que segue zerada.

Anteriormente, quando a taxa Selic se encontrava igual ou abaixo de 8,5% ao ano, a poupança rendia 70% da taxa básica de juros, tornando-se instrumento competitivo em relação a outros investimentos, por ser isenta do Imposto de Renda.

No ano passado, houve retirada líquida de R$35,5 bilhões, em meio à retirada do Auxílio Emergencial, além do aperto monetário promovido pela autoridade.

Texto: Gabriel Ponte
Edição: Gabriela Guedes e Letícia Matsuura
Imagem: Vinícius Martins / Mover

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.