0

Home office proporcionou aumento de salários e redução de custos, aponta pesquisa

financas-pessoais

Home office proporcionou aumento de salários e redução de custos, aponta pesquisa

Para 58%, home office possibilitou aumento de salário, enquanto 40% e 21%, respectivamente, disseram ter reduzido custos de viagem e moradia

Home office proporcionou aumento de salários e redução de custos, aponta pesquisa
patricia-vilasboas

Atualizado há 4 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 20 de abril – O trabalho remoto, também conhecido por home office, ajudou os profissionais a ganhar mais e a economizar dinheiro, na forma de aumentos salariais e redução dos custos com viagem e moradia, apontou uma pesquisa feita pela líder global de solução Deel em parceria com a Momentive.

A pesquisa, realizada com mais de 700 pessoas em 86 países, apontou que para 58% dos entrevistados o home office proporcionou aumento salarial, enquanto 64% responderam que a possibilidade de trabalhar remotamente colaborou com o aumento de suas economias.

Para 40%, houve redução de custos de viagem, enquanto para 21% o decréscimo foi com relação à moradia. Além disso, 90% concordaram que a modalidade ajudou a superar barreiras em suas vidas profissionais.

O índice considera exemplos de superação de barreiras profissionais “ser promovido, ser mais produtivo e ter mais equilíbrio entre vida profissional e pessoal”.

Cerca de três em cada quatro entrevistados, ou 76%, disseram que o trabalho remoto possibilitou uma relação mais balanceada entre vida profissional e pessoal, mais da metade ressaltou o aumento da produtividade, 53% falaram em flexibilidade, e 58%, em melhora no salário.

Ainda conforme a pesquisa, 35% puderam encontrar seu trabalho dos sonhos e 39% se mudaram para mais próximo da família ou de amigos.

O índice global também destaca o impacto do home office na rotina de profissionais com filhos. De acordo com o levantamento, 83% das mães com filhos menores de 18 anos disseram que a modalidade de trabalho remoto ajudou na rotina, contra 73% para os pais.

Texto: Patrícia Vilas Boas
Edição: Stéfanie Rigamonti e Allan Ravagnani
Imagem: Divulgação

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.