0

Endividamento recua pelo segundo mês consecutivo em junho, aponta CNC

financas-pessoais

Endividamento recua pelo segundo mês consecutivo em junho, aponta CNC

Pesquisa mostrou endividamento atingir 77,3% das famílias brasileiras, uma queda de 0,1 ponto percentual ante o mês anterior

Endividamento recua pelo segundo mês consecutivo em junho, aponta CNC
patricia-vilasboas

Atualizado há cerca de 1 mês

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 7 de julho – O endividamento das famílias brasileiras caiu pela segunda vez seguida em junho, mostraram dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, CNC, divulgados nesta quinta-feira.

A Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, Peic, mostrou que 77,3% das famílias declararam possuir dívidas, queda de 0,1 ponto percentual em relação ao mês anterior. Contudo, ante o mesmo período em 2021, o endividamento subiu 7,6 pontos percentuais.

O indicador atingiu uma máxima recorde de 77,7% em abril, de acordo com o levantamento. No mês seguinte, a queda no endividamento foi de 0,3 ponto percentual.

Outro indicador que também apresentou recuo foi o de inadimplência. Segundo a pesquisa, a proporção de famílias com contas em atraso caiu 0,2 ponto percentual em junho ante maio, a 28,5%.

Esse foi o primeiro recuo com relação ao indicador de inadimplência registrado desde setembro de 2021.

“Com menos restrições impostas pela pandemia e as medidas temporárias de suporte à renda, como saques extraordinários do FGTS, antecipações do 13º salário, INSS e maior valor do Auxílio Brasil, a população precisou apelar menos para os gastos no cartão”, disse o presidente da CNC, José Roberto Tadros, em nota.

Entre os principais responsáveis pelas dívidas estão o cartão de crédito, representando 81,8% do total, os carnês, com 17,5%, financiamento de carro, com 11,9% e, em seguida, o crédito pessoal, em 10%.

Foram consideradas na pesquisa famílias que possuem dívidas a vencer no cheque pré-datado, cartão de crédito, cheque especial, carnê de loja, crédito consignado, empréstimo pessoal, prestação de carro/casa e outras dívidas.

Nome: Patrícia Vilas Boas
Edição: Renato Carvalho
Imagem: Vinicius Martins / Mover
Comentários: [email protected]

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.