0

Magazine Luiza reporta prejuízo de R$161,3 milhões no 1º tri

empresas

Magazine Luiza reporta prejuízo de R$161,3 milhões no 1º tri

A varejista Magazine Luiza reportou prejuízo líquido maior que o consenso Mover, revertendo o lucro de R$258,6 milhões do primeiro trimestre

Magazine Luiza reporta prejuízo de R$161,3 milhões no 1º tri
maria-luiza

Atualizado há cerca de 2 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 16 de maio –  A Magazine Luiza reportou prejuízo líquido maior que o esperado no primeiro trimestre, provocado principalmente pelo aumento nas despesas, mesmo com o aumento de vendas nos canais digitais e recuperação no meio físico.

A varejista reportou prejuízo líquido de R$161,3 milhões de janeiro a março, maior que o consenso Mover de R$146 milhões, e revertendo lucro líquido de R$258,6 milhões do primeiro trimestre de 2021.

O resultado foi prejudicado pelo crescimento de 19,4% nas despesas operacionais, que somaram R$1,99 bilhão, e de 254,6% nas despesas financeiras.

A empresa explicou que o aumento foi resultado da menor diluição das despesas nas lojas físicas, do crescimento expressivo do marketplace e da consolidação das empresas adquiridas nos últimos 12 meses.

Sobre o resultado financeiro, a Magazine Luiza aponta o aumento na taxa básica de juros como principal fator, já que do início de 2021 até março de 2022, a Selic saiu de 2,00% para 11,75% ao ano.

A receita líquida do período bateu R$8,76 bilhões, acima da expectativa de R$8,64 bilhões, impulsionada pelo crescimento nas vendas de mercadorias, incluindo as registradas na KaBum!, e nas receitas de serviços de varejo, com melhora da performance do marketplace e do Magalu Pagamentos, explica o relatório.

As vendas totais da Magazine Luiza bateram R$14,1 bilhões, alta de 13,2% na base anual, com melhor volume no e-commerce, que teve crescimento de 16%, para R$10,2 bilhões – destes, R$3,6 bilhões vieram do marketplace, crescimento de 49,9% ano a ano.

Nas lojas físicas, o grande desafio do varejo discricionário há pelo menos um ano, as vendas no conceito mesmas lojas ainda apresentaram decréscimo, de 2,8%, leitura muito menor que a desaceleração de 22,8% no quarto trimestre. As vendas nas lojas físicas somaram R$3,94 bilhões, aumento de 6,2% ano contra ano.

O EBITDA, que afere o lucro operacional da companhia, atingiu R$339,5 milhões, abaixo dos R$379 milhões esperados. A margem EBITDA caiu 4,5 pontos percentuais em um ano, para 3,9%.

Em termos ajustados, o EBITDA vai para R$434,2 milhões, aumento anualizado de 1,7%, e a margem EBITDA para 5%, diminuição de 0,2 ponto percentual ano a ano.

A diretoria comenta o resultado em teleconferência amanhã às 09h00.

As ações da Magazine Luiza (MGLU3) fecharam o pregão de hoje em alta de 1,60%, a R$4,45. Elas acumulam queda de 38,37% no ano.

Texto: Maria Luiza Dourado
Edição: Renato Carvalho
Imagem: Vinicius Martins / Mover

Nesta matéria

MGLU3

MAGAZINE LUIZA S.A.

2,21

-0,14

-5,98%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.