0

Custos altos nas lojas físicas comprometem trimestre da Magazine Luiza

empresas

Custos altos nas lojas físicas comprometem trimestre da Magazine Luiza

Lucro líquido da Magazine Luiza caiu 90% na comparação anual, com queda nas vendas das lojas físicas, aumento dos custos do canal e despesas

Custos altos nas lojas físicas comprometem trimestre da Magazine Luiza
maria-luiza

Atualizado há 8 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 11 de novembro – A Magazine Luiza viu seu lucro líquido ajustado cair quase 90% na comparação anual, com queda nas vendas das lojas físicas, aumento dos custos do canal oriundos do cenário inflacionário e altas nos juros, além de despesas relacionadas ao marketplace, que cresceu expressivamente na mesma comparação.

O lucro líquido ajustado da varejista de julho a setembro ficou em R$22,6 milhões, uma queda de 89,5% na base anual. Se considerados os ganhos líquidos não-recorrentes, o lucro líquido foi de R$143,5 milhões. O EBITDA ajustado foi de R$351 milhões, abaixo do consenso de R$571 milhões.

A receita líquida da Magalu atingiu R$8,6 bilhões, aquém dos R$9,66 bilhões esperados, graças à retração nas lojas físicas, com as vendas nas mesmas lojas registrando queda de 14,6%, além do aumento das despesas com vendas, inclusive no digital, principalmente em marketing.

As vendas no marketplace cresceram 67% na comparação anual, R$3,5 bilhões e as vendas no e-commerce, 7% na base anual, a R$6,5 bilhões. As vendas totais subiram 12% em relação a igual período do ano passado, a R$13,84 bilhões. A Magazine Luiza destaca que, na divisão digital, avança rapidamente em novas categorias de maior recorrência e tíquetes menores, como moda e beleza.

Nos serviços financeiros, o volume total de transações, ou TPV, atingiu R$18,5 bilhões, com destaque para o cartão de crédito, cujo TPV bateu R$10,9 bilhões, avanço anualizado de 98,5%. A carteira de crédito do cartão cresceu 39,3% na base anual, a alcançou R$15,1 bilhões. Os diretores da companhia devem comentar o resultado financeiro em teleconferência nesta sexta, às 14h00.

Desempenho da Magazine Luiza

Os papéis ordinários da Magazine Luiza (MGLU3) encerram a sessão desta quinta-feira em alta de 4,84%, a R$13,65. Contudo, as ações acumulam perda de 45,14% no ano. O Ibovespa subiu 1,58%, aos 107,6 mil pontos.Ação da Magazine Luiza - MGLU3

Para acompanhar o desempenho das ações da varejista e de outras empresas listadas na bolsa brasileira, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Maria Luiza Dourado
Edição: Gustavo Boldrini e Letícia Matsuura
Arte: Vinícius Martins / Mover

Nesta matéria

MGLU3

MAGAZINE LUIZA S.A.

2,47

-0,08

-3,13%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.