0

Balanço da Magazine Luiza decepciona mercado; lojas físicas sofrem com macro deteriorado

empresas

Balanço da Magazine Luiza decepciona mercado; lojas físicas sofrem com macro deteriorado

A Magazine Luiza reportou Ebitda da empresa negativo em R$7,9 milhões no quarto trimestre, decepcionando os R$95 milhões positivos esperados

Balanço da Magazine Luiza decepciona mercado; lojas físicas sofrem com macro deteriorado
maria-luiza

Atualizado há 3 meses

Ícone de compartilhamento

São Paulo, 14 de março – A Magazine Luiza decepcionou consensos e registrou queda em seus principais indicadores financeiros do quarto trimestre, com diminuição expressiva nas vendas das lojas físicas e disparada superior a 20% nas despesas operacionais, em meio ao cenário de inflação e altas nos juros, que corroem o poder de compra da população.

A varejista registrou lucro líquido de R$91 milhões no quarto trimestre, frente ao consenso Mover de prejuízo de R$26 milhões, queda anualizada de 57,6%. Contudo, se ajustado por efeitos não recorrentes de Imposto de Renda e Contribuição Social, o indicador se torna um prejuízo líquido de R$79 milhões.

A receita líquida da companhia atingiu R$9,4 bilhões, menor que o consenso de R$9,63 bilhões, e caindo 6,6% na base anual, com a queda de 22,8% nas vendas mesmas lojas da Magazine Luiza, cujo faturamento diminuiu 18,4% em relação a igual período de 2020.

O Ebitda da empresa foi negativo em R$7,9 milhões no quarto trimestre, decepcionando os R$95 milhões positivos esperados, ante os R$504,7 milhões vistos um ano antes, enquanto a Margem Ebitda ficou negativa em 0,1%. Os indicadores foram derrubados pelo aumento de 20,3% nas despesas operacionais, com destaque para as despesas com vendas e uma perda em liquidação duvidosa, de R$55,9 milhões.

O Ebitda ajustado do quarto trimestre, por créditos fiscais, ficou positivo em R$243,5 milhões e a Margem Ebitda Ajustada, em 2,6%.

No digital, as vendas cresceram 16,9%, a R$11,13 bilhões, com participação cada vez mais relevante do marketplace, do qual as vendas aumentaram 60% na base anual, para R$4,13 bilhões.

O resultado será comentado por executivos da Magazine Luiza em teleconferência amanhã, 15, às 09h00.

Desempenho das ações da Magazine Luiza

A ação ordinária da Magazine Luiza (MGLU3) derreteu 6,33% nesta segunda-feira, cotada a R$5,33. No ano, o papel desvaloriza 26,18%. O Ibovespa fechou o pregão em queda de 1,60%, perdendo o patamar dos 110 mil pontos.

Para acompanhar o desempenho das ações das empresas listadas na bolsa brasileira, basta acessar o TC Matrix, ferramenta gratuita do TC.

Texto: Maria Luiza Dourado
Edição: Angelo Pavini e Letícia Matsuura
Imagem: Mover

Nesta matéria

MGLU3

MAGAZINE LUIZA S.A.

2,47

-0,08

-3,13%

Powered by

Análise de Investimentos

relatorios
image

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.