Taesa (TAEE11)

A Taesa (TAEE11) se dedica a construção, operação e manutenção de ativos de transmissão de energia elétrica.

Taesa (TAEE11)

A história da Taesa S.A. (TAEE11) começa no ano de 2000, com o leilão 002/2000 da ANEEL, cujo o vencedor foi o consórcio NovaTrans Energia. O evento constituiu-se em uma sociedade de propósito específico denominado “Novatrans Energia S.A”.

Por sua vez, a empresa Enelpower, do grupo Italiano Enel, adquiriu a Novatrans, que transferiu o controle para a Terna S.A., uma outra empresa italiana. Em 2006, a Terna constituiu uma holding no Brasil, Terna Participações S.A. Anos depois, em 2009, foi vendida para o fundo de investimento em participações Coliseu (FIP COLISEU) e para a Cemig (CMIG4), onde no mesmo ano a denominação social da Terna foi alterada para Transmissora Aliança de Energia Elétrica S.A (Taesa).

Desta forma, nesse texto buscaremos compreender um pouco mais sobre a empresa Taesa, elencando os seguintes tópicos:

  1. O que faz a Taesa (TAEE11)
  2. Modelo de negócio da Taesa (TAEE11);
  3. Governança corporativa Taesa (TAEE11);
  4. Sustentabilidade;
  5. Evolução das ações TAEE11 na Bolsa de valores; e
  6. Como analisar a empresa.

O que faz a Taesa (TAEE11)

A Taesa se dedica a construção, operação e manutenção de ativos de transmissão de energia elétrica. A organização apresentou historicamente um grande crescimento e fez diversas aquisições. Além disso, a TAEE11 tem uma política que prioriza a distribuição de proventos. Em 2008 foi constituída a Taesa Serviços e em 2010 a companhia incorpora a Alterosa, a Alvorada, a TSN, a Novatrans e a ETEO. Atualmente, a Taesa detém 39 concessões de transmissão: 10 concessões que compõem a empresa holding; 19 participações; e 10 investidas.

Modelo de negócio da Taesa (TAEE11)

O modelo de negócio da Taesa foca na transmissão de energia. Vale salientar que no setor de energia elétrica há a parte transmissão, geração, comercialização e distribuição de energia. Além disso, a Taesa também possui um modelo de negócio baseado em aquisições de outras companhias.

Governança corporativa Taesa (TAEE11)

A CEMIG é detentora da maior parte das ações da Taesa (21,7%). O free float da companhia é de 63,4%. Além disso, a companhia possui ações ordinárias, preferenciais e as units em negociação no mercado de ações. A companhia conta com um conselho de administração, um conselho fiscal e comitês de finanças, auditoria, implementação de novos negócios e um comitê de estratégia, governança e recursos humanos.

Sustentabilidade

A Taesa (TAEE11) divulga um relatório anual de sustentabilidade, além de informar no site de relação com os investidores uma série de programas e ações que a companhia desenvolve em consonância com o desenvolvimento sustentável.

Evolução da Taesa (TAEE11) na Bolsa de Valores

Setor e concorrentes da Taesa (TAEE11)

O setor de energia elétrica possui um ponto positivo que é a alta previsibilidade da receita e por se tratar de um bem/serviço essencial, ou seja, sempre há uma demanda significante. Além disso, o fato de a Taesa atuar no segmento de transmissão diminui os problemas com o roubo de energia, por exemplo, que se configura como um problema para as empresas que comercializam e distribuem energia elétrica.

Em se tratando de concorrentes, há a Transmissão Paulista – ISA CTEEP (TRPL4), a Afluente T (AFLT3) estão entre as concorrentes diretas da Taesa.

Como analisar a Taesa (TAEE11)

Receitas

A Taesa detalha a sua receita operacional líquida nas seguintes categorias: correção monetária do ativo de contrato de concessão, operação e manutenção, além da receita com a implementação de infraestrutura e a remuneração dos ativos de concessão.

Custos

Os custos mais relevantes para a companhia são os custos de implementação de infraestrutura.

Ativos

Dentro do ativo da Taesa, o ativo realizável de longo prazo é a conta de maior relevância dentro do balanço patrimonial da companhia.

Passivos

No tocante as obrigações da companhia, a maior parte são os empréstimos e financiamento de longo prazo.

Contador (UFRJ) | Analista de conteúdo do TC School

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

E-BOOK

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

Neste e-book — "Tudo o que você precisa saber sobre IPOs", trazemos todas as informações que você precisa saber para entender sobre a abertura de capital de uma empresa no mercado financeiro.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.