Log-in (LOGN3)

LOGN3

Log-in (LOGN3)

A Log-in S.A. (LOGN3) é uma empresa criada pela Companhia Vale do Rio Doce, que em 2007 abriu o capital social e tornou-se a acionista com maior parte das ações. Entretanto, em 2013, vende sua participação em leilão.

A Logn-In realiza toda a operação de transporte da carga – da coleta do produto até a entrega no destino final. Assim, com esse portfólio de serviços possui amplo conjunto de soluções atendendo às mais diversas demandas logísticas.

A sua base de clientes é pulverizada e composta por empresas de diferentes segmentos de mercado e diferentes tipos de cargas. A Log-Intende setores de destaque como o petroquímico, de higiene e limpeza, alimentos, construção civil e eletrônicos.

Neste texto, buscaremos compreender melhor a empresa Log-in S.A. (LOGN3) elencando os seguintes pontos:

  1. O que faz Log-in (LOGN3);
  2. Modelo de negócio da Log-in (LOGN3);
  3. Governança corporativa Log-in (LOGN3);
  4. Sustentabilidade;
  5. Evolução das ações LOGN3 na Bolsa de valores;
  6. Como analisar a empresa.

O que faz a Log-in (LOGN3)

A Log-In – Logística Intermodal S.A. é uma empresa de capital aberto que oferece soluções logísticas integradas através do transporte marítimo em navios porta-contêineres, terminal portuário, terminais intermodais e transporte rodoviário de curta distância. Os maiores acionistas da companhia são o fundo Alaska Asset, de Henrique Bredda, que desde 2018 é dona de boa parte das ações, e pelo Itaú Unibanco.

A Log-In também possui subsidiárias no Brasil e pelo mundo, como na Áustria (Log-In International GmbH), Argentina (Log-In Mercosur S.R.L.), Uruguai (Log-In Intermodal Del Uruguay S.A.), Log-In Navegação Ltda., Log-In Marítima Cabotagem Ltda. e TVV – Terminal de Vila Velha S.A..

Modelo de negócio da Log-in (LOGN3)

O transporte intermodal é aquele que requer tráfego misto (marítimo, rodoviário, aéreo e ferroviário) em uma mesma solução logística. Ao usar a intermodalidade de forma eficiente, pode conseguir reduzir os custos logísticos. Logística intermodal é um segmento que depende do ritmo da atividade econômica, a demanda geralmente cai entre as últimas semanas de dezembro e os primeiros meses de cada ano.

A Logística Intermodal possui uma extensa malha intermodal que permite abrangência geográfica com todo o Brasil e o Mercosul. A Companhia integra os principais portos do Brasil e da Argentina. Dessa forma, ela consegue atender às principais regiões do Brasil, que representam 70% do Produto Interno Bruto brasileiro, e o fluxo de comércio entre estas regiões.

Governança corporativa Log-in (LOGN3)

No quesito governança corporativa, a Companhia pertence ao Novo Mercado, segmento de listagem com os mais altos padrões de Governança Corporativa da B3. Todas as suas ações são ordinárias e possuem Tag Along de 100%.

Sustentabilidade

A Log-In usa o serviço de Cabotagem, modal de transporte que emite menos gases tóxicos como o CO2 e NOx para atmosfera, provenientes da queima de combustíveis, as rodovias são utilizadas apenas para curtas distâncias.

Além do modelo de negócio que favorece a sustentabilidade, a companhia possui uma série de ações envolvendo sustentabilidade que podem ser encontradas no site de relações com investidores da Log-in.

Evolução da Log-in (LOGN3) na Bolsa de Valores

As ações da Log-in forma um ótimo investimento para quem as adquiriu no início de 2018:

Concorrentes da Log-in (LOGN3)

A principal concorrente da Log-in é a Hidrovias (HBSA3), mas outras empresas de logística como a Sequoia (SEQL3) podem também ser consideradas concorrentes.

Setor de logística

Aprenda a identificar números relevantes da empresa no setor e aumente sua capacidade de conseguir boa rentabilidade com essa ação em seu portfólio.

Com o TC Matrix você pode fazer análises relacionadas ao crescimento de receita, dívidas ativas, qual o balanço patrimonial e muito mais para garantir que seu investimento tenha alta rentabilidade.

Como analisar a Log-in (LOGN3)

Receitas

Como dito acima, a receita da Log-in é obtida através das tarifas cobradas para transporte de carga e afins.

Custos

Os principais custos da Log-in são relativos aos gastos com mão de obras e com a compra de matérias primas. A Log-in trabalha com uma política de preço conhecida como cost plus, na qual o preço de venda é reflexo do custo de produção. Isso faz com que ganhos de eficiência operacional da companhia reduzam o preço para o consumidor final, aumentando a demanda, a receita e consequentemente o lucro da companhia.

Ativos

A maior parte dos ativos da Log-in são as aplicações financeiras da companhia e os imobilizados, correspondentes aos navios da companhia.

Passivos

As maiores obrigações da Log-in são os empréstimos e financiamentos de longo prazo.

Contador (UFRJ) | Analista de conteúdo do TC School

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

E-BOOK

Tudo o que você precisa saber sobre IPOs

Neste e-book — "Tudo o que você precisa saber sobre IPOs", trazemos todas as informações que você precisa saber para entender sobre a abertura de capital de uma empresa no mercado financeiro.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.

Receba todas as novidades do TC

Deixe o seu contato com a gente e saiba mais sobre nossas novidades, eventos e facilidades.